Blair fala sobre a guerra ao terrorismo

O discurso que o primeiro-ministro Tony Blair deverá proferir hoje às 10h15 (horário de Brasília) durante a convenção do Partido Trabalhista, na cidade de Brighton, está gerando uma grande expectativa pois poderá oferecer alguns detalhes dos ataques militares planejados pelos Estados Unidos e a Grã-Bretanha contra o Afeganistão. Segundo a imprensa britânica, Blair anunciará que os ataques militares contra o regime do Taleban no Afeganistão são inevitáveis, embora não vá indicar quando isso poderá ocorrer. O primeiro-ministro britânico deverá afirmar que o Taleban teve a oportunidade de entregar o principal suspeito pelos ataques terroristas nos Estados Unidos, o dissidente saudita Osama bin Laden, mas se recusou a fazê-lo. Segundo a BBC, Blair irá indicar como serão os ataques contra o Taleban. "Nós vamos eliminar seus armamentos, cortar as suas fontes de abastecimento e atacar suas tropas", afirmará Blair. O primeiro-ministro irá ressaltar que a resposta militar será "responsável e direcionada" e que será feito o possível para se evitar vítimas entre a população civil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.