Blair sai derrotado de eleição para o parlamento

O Partido Trabalhista inglês, do primeiro-ministro Tony Blair, perdeu o que costumava ser uma de suas cadeiras mais seguras no Parlamento, numa eleição vista como um teste da popularidade de Blair depois da guerra no Iraque. Os eleitores de Brent East, no norte de Londres, entregaram a cadeira para a candidata do Partido Liberal Democrata Sarah Teather.Foi a primeira vez em 15 anos que os trabalhistas perderam uma cadeira parlamentar numa eleição suplementar. Sarah Teather derrotou o candidato trabalhista Robert Evans por uma diferença de 1.118 votos. Na eleição geral, os trabalhistas haviam conquistado a cadeira com uma vantagem de 13.047 votos. Sarah atribuiu sua vitória à oposição do líder liberal democrata Charles Kennedy à guerra no Iraque. "Tony Blair, espero que você esteja ouvindo esta noite", disse ela, depois que os resultados foram anunciados na madrugada de hoje. "O povo de Brent falou pelo povo da Grã-Bretanha. Eles querem que você ouça. Eles querem que você cumpra as promessas".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.