Bo Xilai ainda tem apoio

Filho de um herói revolucionário, Bo Xilai era forte candidato a ocupar uma das nove cadeiras do órgão máximo de poder da China, cujos nomes serão definidos em congresso do Partido Comunista que será realizado em outubro ou novembro.

O Estado de S.Paulo

10 de agosto de 2012 | 03h07

Bo Xilai não é visto em público desde março e enfrenta investigação do Partido Comunista por questões disciplinares. Protagonista de uma campanha de restabelecimento do maoísmo em Chongqing, Bo ainda tem apoio de setores do partido, o que pode forçar os atuais dirigentes chineses a um acordo que o poupe da prisão. / C.T.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.