Boca-de-urna aponta 2º turno para prefeitura de Buenos Aires

As primeiras projeções de boca-de-urna indicavam neste domingo que houve empate na eleição para chefe do governo autônomo (prefeito) da capital argentina, entre o centro-esquerdista Aníbal Ibarra, que busca a reeleição, e seu desafiante, o direitista Mauricio Macri. Essas estimativas também pareciam confirmar que nenhum candidato obterá a metade dos votos, o que leva a escolha para um segundo turno entre os dois candidatos mais votados em 14 de setembro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.