Boko Haram ameaça matar homem alemão sequestrado

O líder do Boko Haram na Nigéria, Abubakar Shekau, ameaçou matar um homem alemão não identificado, que foi capturado pelo grupo extremista islâmico.

Estadão Conteúdo

01 Novembro 2014 | 11h01

Shekau afirmou, em um novo vídeo divulgado na noite de sexta-feira (31), que o Boko Haram está mantendo prisioneiro um homem alemão não identificado que, segundo o líder rebelde, está "sempre chorando". Shekau disse que o grupo poderia cortá-lo, ou matá-lo ou atirar nele."

O Ministro das Relações Exteriores da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier, afirmou nesta semana que não havia nenhuma informação sobre o homem sequestrado.

Um vídeo anterior, recebido pela Associated Press, mostrou a decapitação de um homem identificado por amigos como o piloto de um jato desaparecido que o Boko Haram diz ter atacado. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Boko Haramsequestro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.