Adriano Machado / Reuters
Adriano Machado / Reuters

Bolsonaro quer trocar embaixador do Brasil em Israel

Cargo ocupado por Paulo Cesar de Vasconcellos deve passar para as mãos do coronel Paulo Jorge de Nápolis

Mateus Vargas, O Estado de S.Paulo

10 de dezembro de 2019 | 11h41

BRASÍLIA - O presidente Jair Bolsonaro disse nesta terça-feira, 10, que deve trocar o embaixador do Brasil em Israel, cargo ocupado por Paulo Cesar de Vasconcellos.

Bolsonaro afirmou que "está no radar" indicar o coronel do Exército, da reserva, Paulo Jorge de Nápolis, ex-adido militar em Israel.

"Não quer dizer que seja ele. O coronel está no radar. Foi adido militar por três anos lá", disse o presidente. "O que está lá, acho que está há mais de dois anos. É natural trocar."

Bolsonaro ressaltou querer embaixadores "mais afinados" com o governo. Também afirmou que pretende enviar mais jovens brasileiros para estudar em Israel.

"Ver questão de agricultura, piscicultura, tecnologia. Quero uma garotada nossa sempre em Israel para fazer intercâmbio e voltar", disse ele.

O presidente se encontrou nesta manhã com o embaixador de Israel no Brasil, Yossi Shelley.

Tudo o que sabemos sobre:
Jair BolsonaroIsrael [Ásia]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.