Boris Roessler/dpa via AP
Boris Roessler/dpa via AP

Bomba britânica da 2ª Guerra pode arrasar quarteirão em Frankfurt

Operação para desarmar a bomba demandará a maior retirada pós-guerra na Alemanha; ela foi descoberta em região onde vivem muitos banqueiros ricos

O Estado de S.Paulo

01 Setembro 2017 | 15h10

FRANKFURT - Uma bomba da 2ª Guerra encontrada em um canteiro de obras em Frankfurt pode causar, caso não seja desativada, uma explosão grande o suficiente para destruir um quarteirão do centro financeiro alemão, disse uma autoridade do departamento de bombeiros da cidade, nesta sexta-feira, 1º.

“Essa bomba tem mais de 1,4 tonelada de explosivos”, disse a jornalistas o chefe do departamento de bombeiros de Frankfurt, Reinhard Ries. “O problema não são apenas os fragmentos, mas a pressão que cria, que demoliria todos os prédios em um raio de 100 metros”.

Supõem-se que a bomba HC 4000 tenha sido lançada pela Força Aérea britânica durante a guerra de 1939 a 1945. O dispositivo foi descoberto nesta semana em um canteiro de obras na região de Westend, onde vivem muitos banqueiros ricos.

A operação para desarmar a bomba demandará a maior retirada pós-guerra na Alemanha, com a polícia planejando esvaziar uma área incluindo uma sede policial, dois hospitais, sistemas de transporte e o banco central alemão, que armazena US$ 70 bilhões em reservas de ouro.

Autoridades de Frankfurt disseram que mais de 60 mil moradores precisarão deixar suas casas por pelo menos 12 horas. Autoridades municipais pediam na sexta-feira que os residentes deixassem uma área de 1,5 quilômetro ao redor da bomba.

Não é incomum que bombas de ataques aéreos da 2ª Guerra sejam encontradas em cidades da Alemanha, mas raramente elas são tão grandes ou estão em uma posição tão sensível. / REUTERS 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.