Bomba contra comboio americano mata iraquiano em Bagdá

Uma bomba que aparentemente visava um comboio militar americano explodiu numa avenida de um bairro densamente povoado de Bagdá, matando um civil iraquiano. O ataque, no bairro de Karrada, estilhaçou janelas e destruiu uma divisória de concreto da movimentada avenida, mas não feriu nenhum soldado americano."Eles não mataram nenhum americano, apenas iraquianos", disse Karim Abbas, um lojista. "Consideramos isto terrorismo". O iraquiano morto trabalhavam numa loja próxima, segundo testemunhas.Mais cedo hoje, tropas dos EUA anunciaram a detenção de três antigos oficiais do Exército, suspeitos de promoverem ataque antiamericanos em Baqouba, nordeste de Bagdá. Soldados explodiram a entrada de uma casa durante a operação. Em Bagdá, o general Mark Kimmit disse que as forças dos EUA detiveram, nas últimas 24 horas, 101 suspeitos de participarem da resistência contra a ocupação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.