Bomba da Segunda Guerra é achada na Hungria

O serviço nacional de emergência da Hungria determinou hoje a retirada de cerca de 30.000 pessoas da cidade de Sopron para que especialistas pudessem desativar uma bomba da Segunda Guerra Mundial de meia tonelada. Segundo Anna Pinter, da Inspetoria Nacional de Catástrofes, a ordem de evacuação foi cancelada imediatamente após o explosivo ter sido desativado.A bomba foi encontrada na noite de quarta-feira em uma construção no centro da cidade, que fica localizada próxima à fronteira com a Áustria. Sopron, que servira de quartel-general húngaro para os nazistas, foi alvo de fortes bombardeios dos aliados nos últimos dias da guerra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.