Bomba deixa 15 mortos em mesquita no Paquistão

Uma bomba explodiu em um santuário xiita da cidade de Karachi, deixando pelo menos 15 mortos e mais de 30 feridos, dizem fontes hospitalares. A explosão atingiu a mesquita Imã Bargah Ali Raza durante as preces do entardecer. Karachi, a maior cidade do Paquistão e importante centro econômico, vêm sendo palco de atos de violência religiosa e terrorismo nos últimos dias, incluindo dois atentados com carros-bomba nas proximidades da residência do cônsul americano. O porta-voz do Ministério do Interior, Abdur Rauf Chaudhry, disse que ainda é cedo para determinar a origem do atentado, mas que ?parece ser violência religiosa?. No dia 7 de maio, um ataque suicida contra outro santuário xiita deixou 20 mortos. Muito da violência vem sendo atribuído a muçulmanos radicais, enfurecidos pelo apoio do presidente Pervez Musharraf à invasão americana do Afeganistão, mas enfrentamentos entre xiitas e sunitas também são comuns.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.