Bomba explode em escritório das comunicações da Venezuela

Uma explosão destruiu, às 23h40 desta sexta-feira, as janelas e a entrada do edifício que abriga os escritórios da Comissão Nacional de Telecomunicações da Venezuela. O autor do atentado jogou a bomba a bordo de uma motocicleta em movimento. No momento do incidente, um vigia e dois segurança da guarda nacional estavam no prédio, mas não ficaram feridos.A explosão aconteceu apenas algumas horas depois de os censores do governo terem confiscado o equipamento de entradas ao vivo de uma equipe da Globovision, emissora de TV que critica o governo Hugo Chávez.O ministro das comunicações da Venezuela, Jesse Chacón, acusou os opositores do governo nos meios de comunicação de incentivar o ataque. ?Quando a mídia é usada para incitar a população, este é o resultado?, afirmou o ministro em declaração à TV estatal. Chacón disse, também, que a polícia federal venezuelana está investigando o incidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.