Bomba explode em lanchonete na Espanha

Uma explosão destruiu hoje uma lanchonete sem deixar vítimas, depois que foi recebido um aviso por telefone atribuindo o ataque ao grupo armado separatista basco ETA. A força pública isolou a zona em torno da lanchonete Queen Burger, na pequena cidade de Torrevieja, um popular local de férias para aposentados localizado no Mediterrâneo, a cerca de 400 km a sudeste de Madri, disse o prefeito Pedro Hernández. O atentado ocorreu quase uma semana após duas pessoas morrerem - uma delas, uma menina de 6 anos - na explosão também atribuída ao ETA de um carro-bomba no balneário de Santa Pola. Esses ataques ocorreram enquanto o governo pressiona para que seja declarado ilegal o partido basco Herri Batasuna, amplamente reconhecido como o braço político do ETA. Hernández disse à televisão nacional que o explosivo, que provocou grandes danos materiais, estava escondido no teto de um banheiro. Segundo o prefeito, a bomba explodiu meia hora após o jornal Gara receber uma telefonema advertindo que havia bombas em Torrevieja e em Santa Pola, a 25 km de distância, que em breve explodiriam. A polícia isolou a praia e áreas da avenida litorânea em Santa Pola e disse que ainda buscava os explosivos, embora versões da imprensa dissessem que uma bomba havia sido encontrada em uma discoteca.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.