Bomba fere dois soldados americanos no Iraque

Uma bomba explodiu hoje perto de um caminhão tanque americano, ferindo dois soldados americanos. A explosão aconteceu perto da prisão de Abu Ghraib. Durante a madrugada, uma explosão na sede do partido Conselho Supremo para a Revolução Islâmica matou uma iraquiana e deixou outras cinco pessoas feridas, um dia após o assassinato de um dos líderes do partido. Xiitas estão organizando uma passeata anti-Saddam que será realizada ainda hoje. O administrador americano do Iraque, Paul Bremer, revelou a jornalistas em Basra que escapou de uma tentativa de assassinato no começo de dezembro. A cadeia de televisão americana NBC informara na quinta-feira que Bremer tinha conseguido escapar ileso de uma tentativa de assassinato ao ser atacado com um artefato explosivo e disparos de armas leves ao sair do aeroporto de Bagdá. O comboio conseguiu escapar e ninguém ficou ferido no ataque, que coincidiu com a chegada à capital iraquiana do secretário de Defesa americano, Donald Rumsfeld.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.