Bomba mata 28 em mesquita sunita no Iraque

A explosão de uma bomba matou 28 pessoas numa mesquita sunita na região central do Iraque, atingindo fiéis que saíam do local após as orações de sexta-feira. O ataque em Baquba acontece após dois dias de ataques, muitos em distritos xiitas, que deixaram mais de 50 mortos.

Agência Estado

17 de maio de 2013 | 10h37

Os ataques contra mesquitas sunitas também têm aumentado ultimamente, elevando temores de que o país está entrando numa nova rodada de violência sectária.

Horas mais tarde, sete pessoas morreram e 11 ficaram feridas quando uma bomba explodiu durante um funeral ao sul de Bagdá, informou a polícia.

Dois funcionários da área médica confirmaram o número de vítimas. Embora a violência tenha diminuído no Iraque, ataques insurgentes continuam frequentes no país. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Iraqueviolênciamesquitabomba

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.