Bomba mata 4 e fere pelo menos 32 na Colômbia

Um carro-bomba explodiu no centro da cidade de Medellín nesta quinta-feira, matando quatro pessoas e ferindo pelo menos outras 32. A bomba explodiu dentro do estacionamento do escritório do procurador-geral em Medellín, a segunda maior cidade da Colômbia, 250 km a noroeste da capital, Bogotá, afirmou o comandante da polícia, general Leonardo Gallego.Segundo a polícia, a explosão causou danos ao escritório do procurador-geral e a outros edifícios próximos. O ataque ocorreu depois que tropas federais e a polícia fizeram buscas em bairros pobres da periferia de Medellín esta semana, detendo 68 pessoas num esforço para cortar a crescente ofensiva dos milicianos rebeldes. A guerra civil da Colômbia tem sido travada principalmente no campo ao longo dos últimos 38 anos. Mas os milicianos ligados aos grupos guerrilheiros de esquerda começaram a lançar ataques em Bogotá e em outras cidades. Os rebeldes de extrema esquerda também travaram combates com grupos paramilitares de direita pelo controle da periferia de Medellín.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.