Bomba mata quatro em estrada ao sul de Bagdá

Uma bomba colocada em uma estrada matou quatro pessoas, incluindo três soldados, e feriu outras 11 ao explodir neste sábado, ao sul de Bagdá. A explosão ocorreu perto do escritório municipal do distrito de Rashid, ao sul da capital iraquiana. Os soldados estavam se dirigindo para o local de outra explosão na mesma região. A primeira bomba não provocou nenhuma vítima.

AE-AP, Agência Estado

31 de julho de 2010 | 10h47

Autoridades policiais disseram que os três soldados e um civil que passava pelo local não resistiram aos ferimentos em um hospital de Bagdá.

Um porta-voz da polícia também informou que na província de Diyala, o chefe de uma família de cinco membros morta na sexta-feira na explosão de uma bomba colocada em uma estrada era líder de um grupo armado sunita. O grupo se colocou contra os militantes da Al-Qaeda no final de 2006, unindo-se aos militares dos Estados Unidos. As informações são da AP.

Tudo o que sabemos sobre:
IraqueviolênciaatentadoBagdá

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.