Bomba mata seis civis no sudeste do Afeganistão

Seis civis morreram hoje após uma bomba colocada à beira de uma estrada explodir na capital provincial de Kalat, no sudeste do Afeganistão, atingindo o veículo em que eles estavam, segundo Ghulam Jalani Farahi, chefe de polícia da província de Zabul.

AE-AP, Agência Estado

15 de outubro de 2010 | 11h47

Os explosivos improvisados colocados em rodovias são usados pelos insurgentes que tentam conter as operações da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) e do Afeganistão com uma tática de guerrilha.

A guerra de nove anos já matou milhares de civis afegãos. As Nações Unidas afirmam que os insurgentes são responsáveis pela maioria dessas mortes, mas civis também foram vítimas de algumas operações da Otan. Um recente relatório da ONU afirma que mais de 1.200 civis foram mortos no Afeganistão este ano, entre janeiro e junho.

Tudo o que sabemos sobre:
Afeganistãobombacivismortes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.