Bomba mata soldado dos EUA em área xiita de Bagdá

Uma bomba explodiu no momento em que passava uma patrulha militar dos Estados Unidos em Sadr City, área predominantemente xiita de Bagdá, matando um soldado norte-americano. O porta-voz das forças de ocupação dos EUA no Iraque, capitão Charles Calio, disse que não havia mais informações disponíveis sobre o atentado e o nome do soldado morto só será divulgado depois de a família ser notificada.Com a morte ocorrida hoje, sobe para 4.218 o número de militares norte-americanos mortos no Iraque desde a invasão, em março de 2003. Ao todo, a coalizão que invadiu o Iraque contabiliza 4.534 militares mortos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.