Bombardeio da Otan mata 6 crianças no Afeganistão

Residência onde estava uma família foi atingida por míssil

Efe,

27 Maio 2012 | 06h14

CABUL - Oito membros de uma mesma família, seis crianças e seus pais, morreram em um bombardeio da Otan na província oriental afegã de Paktia, informou neste domingo, 27, uma fonte oficial.

 

O fato aconteceu no final da tarde de sábado, 26, no Distrito de Zadran, quando um avião da missão da Otan no Afeganistão (Isaf) lançou um míssil contra a casa na qual estava uma família, afirmou o porta-voz provincial, Ruhula Samun.

 

Um membro do escritório de imprensa da Otan em Cabul, Martyn Crichton, disse que a Isaf está recolhendo informação sobre o fato, embora não pôde confirmar o incidente.

 

A morte de civis em bombardeios ou operações da Otan é um dos assuntos que mais atrito criam entre as forças internacionais e as autoridades afegãs.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.