Bombardeio em Faluja deixa 15 mortos, dizem testemunhas

A tensão aumentou no Iraque com a retomada da violência na cidade sunita de Faluja. Segundo testemunhas, um caça F-16 dos EUA lançou uma bomba de 900 quilos sobre um edifício no norte de Faluja, 60 quilômetros a oeste de Bagdá. Funcionários de um hospital disseram que 15 pessoas morreram no ataque.Uma delegação de representantes da cidade de Faluja reuniu-se hoje pela segunda vez com membros da Administração Civil e do Exército americano para negociar uma solução para os confrontos nessa localidade. Os dois lados concordaram em continuar com o diálogo amanhã. Um soldado dos EUA foi morto em Samarra, norte de Faluja, elevando para 88 o número de baixas fatais entre os militares americanos no Iraque apenas neste mês, o mais sangrento desde o início da guerra. Entre os iraquianos, estima-se que mais de 1.000 morreram no mesmo período.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.