Bombardeio mata 2 líderes da Al-Qaeda

IÊMEN

, O Estadao de S.Paulo

15 de março de 2010 | 00h00

Um ataque aéreo das forças iemenitas matou ontem dois importantes membros da Al-Qaeda na Península Arábica. Segundo o governo de Sanaa, os dois membros da Al-Qaeda planejavam operações terroristas contra instalações vitais no Iêmen. Os moradores da região do ataque, na Província de Abyan, sul do país, disseram que mais de 20 pessoas teriam sido mortas no bombardeio. O Iêmen ampliou a segurança de suas instalações de gás e petróleo após declarar uma guerra aberta contra a Al-Qaeda depois de um fracassado atentado em um avião que ia para Detroit ter sido relacionado à célula local do grupo terrorista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.