Bombas no sul da Tailândia matam um policial e ferem 5

Um policial morreu nesta sexta-feira, 30, e cinco foram feridos, quatro deles em estado grave, pela explosão de duas bombas na conflituosa região muçulmana do sul da Tailândia, onde continuam os ataques por parte dos rebeldes separatistas, informou a polícia.A primeira bomba, cujos estilhaços feriram um agente, explodiu no distrito de Sai Buri, na província de Pattani, quando uma patrulha fazia uma inspeção na região.Fontes da delegacia provincial de polícia afirmaram que a segunda bomba, acionada por um telefone celular, explodiu quase ao mesmo tempo e muito perto da primeira, atingindo um veículo policial que transportava seis agentes. Um deles morreu e quatro, em estado crítico, foram levados ao hospital de Pattani.O Exército postou na quarta-feira, 28, 1.700 membros de unidades de elite para reforçar os mais de 30 mil soldados que combatem os insurgentes nas províncias de Pattani, Yala e Narathiwat, parte do antigo sultanato de Pattani, que a Tailândia anexou há um século.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.