Bosch irá demitir na Alemanha e em outros países

Um diretor da alemã Bosch, líder mundial da indústria de autopeças, afirmou que a empresa terá que demitir funcionários na Alemanha e em outros países por causa da crise financeira.Em entrevista a ser publicada na próxima edição da revista Auto Motor, Bernd Bohr recusou-se a dizer exatamente quantos funcionários deverão ser cortados, limitando-se a falar em um "ajuste estrutural" na Alemanha e em "centenas" de demissões nas unidades da empresa em outros países. Segundo Bohr, os contratos dos trabalhadores temporários não deverão ser renovados.Sediada em Stuttgart, no sul da Alemanha, a Bosch tem cerca de 272 mil funcionários e teve uma receita de ? 46 bilhões em 2007.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.