Bouteflika volta à Argélia após tratamento na França

O presidente da Argélia, Abdelaziz Bouteflika, voltou para seu país nesta terça-feira depois de quase três meses de tratamento médico na França por causa de um derrame. A informação foi divulgada pela agência estatal de notícias.

AE, Agência Estado

16 de julho de 2013 | 12h53

Na Argélia, a presidência concentra grande parte do poder e as decisões mais importantes permaneceram em suspenso durante os 80 dias em que Bouteflika, de 76 anos, permaneceu na França.

As eleições presidenciais no país africano estão marcadas para abril de 2014 e havia, antes do derrame, a expectativa de que Bouteflika buscasse seu quarto mandato.

Desde o incidente, emergiram questionamentos sobre a capacidade de Bouteflika exercer o cargo durante os poucos meses de mandato que ainda lhe restam.

Por meio de nota, a presidência argelina informou que Bouteflika permanecerá em repouso e tratamento na Argélia. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
ArgéliaBouteflika

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.