Brasil expressa preocupação com violência no Quênia

Texto do comunicado do Itamaraty diz que o governo "lamenta tristes episódios de intolerância política"

Efe,

02 de janeiro de 2008 | 23h46

O Governo brasileiro expressou nesta quarta, 2,  "preocupação" com a situação sociopolítica do Quênia, país que enfrenta focos de violência após denúncias sobre irregularidades em suas últimas eleições presidenciais.O Itamaraty, em comunicado, afirmou que o "Governo brasileiro acompanha com preocupação a situação no Quênia e lamenta os tristes episódios de violência e de intolerância política que se intensificaram nos últimos dias".Acrescentou que a Embaixada do Brasil em Nairóbi "vem monitorando o quadro de segurança no país e procurando informar-se da situação da comunidade brasileira ali residente. Até o momento, não há notícia de incidente envolvendo qualquer cidadão brasileiro"."O Governo brasileiro faz um chamado a todas as forças políticas quenianas no sentido do pronto restabelecimento de um quadro de diálogo pacífico e de reconciliação nacional", acrescenta a nota.A onda de violência que assola o Quênia teve início após denúncia da oposição e de observadores internacionais sobre irregularidades na apuração das eleições realizadas em 27 de dezembro.A contagem deu como vencedor do pleito o atual presidente Mwai Kibaki.

Tudo o que sabemos sobre:
Quênia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.