Brasil quer ajudar na mediação de um acordo de paz

Na tentativa de consolidar a presença do Brasil em uma eventual retomada das negociações de paz entre israelenses e palestinos, o chanceler Celso Amorim viajará para Jerusalém, Ramallah e dois países vizinhos, Síria e Jordânia. Ele pretende aumentar a pressão por uma trégua imediata e também participar da entrega da ajuda humanitária do Brasil aos palestinos afetados pelo conflito.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.