Brasil será convidado para a cúpula do G8

Reunião acontece em julho na ilha de Hokkaido e vai discutir mudança climática e desenvolvimento da África

Efe,

18 de março de 2008 | 01h35

O Japão convidará o Brasil e outros países emergentes como México, China, Índia e África do Sul para discutir o problema da mudança climática na cúpula de líderes do G8. A reunião acontecerá em julho na ilha de Hokkaido, informou nesta terça-feira, 18, a agência de notícias Kyodo. Brasil, China, Índia, México e África do Sul são considerados possíveis candidatos a fazer parte do grupo de países mais industrializados, em um momento no qual aumentam os pedidos para a ampliação do G8, segundo a Kyodo. O ministro de Relações Exteriores, Masahiko Komura, informou que Austrália, Indonésia e Coréia do Sul também serão convidadas para discutir a mudança climática. Entre os 7 e 9 de julho o Japão organizará na ilha de Hokkaido a cúpula do G8, do quais são membros Reino Unido, Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão, Rússia e EUA, além da representação da União Europa. Os temas principais da cúpula serão a mudança climática e o desenvolvimento da África.

Tudo o que sabemos sobre:
G8mudança climáticaÁfricaBrasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.