Brasileira é detida pela Imigração em Lisboa

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve nesta terça-feira em Lisboa uma brasileira acusada de estar envolvida em crimes de auxílio à imigração, angariação de mão-de-obra ilegal e fraudes de trabalho e emprego. Uma fonte das relações públicas do SEF disse à Agência Lusa que a brasileira, cujo nome não foi divulgado, foi detida no momento em que acabava de receber dinheiro de 15 outros brasileiros recém chegados a Portugal para os colocar no mercado de trabalho clandestino. Os 15 clandestinos também foram detidos. A mesma fonte disse que a brasileira, em situação ilegal em Portugal, e com uma idade entre os 30 e os 40 anos, presumivelmente trabalhava sozinha na angariação de brasileiros como mão-de-obra clandestina. Ela será conduzida sábado a um juiz do Tribunal de Instrução Criminal (TIC) de Lisboa, que decidirá se ela fica ou não em prisão preventiva. Os 15 imigrantes ilegais, testemunhas de acusação no processo, também ficarão detidos até serem mandados de volta a Brasil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.