Brasileiro é assassinado em ataque no México

Um brasileiro foi assassinado a tiros na noite de quinta-feira em Culiacán, no Estado mexicano de Sinaloa, segundo a agência de notícias AFP. Miguel Fabricio Ibarra Almeida, de 46 años, que morava a cidade, foi executado quando entrava em seu veículo. "As testemunhas dizem que os assassinos viajavam em outro veículo e dispararam com fuzis do tipo AK-47", disse um funcionário da procuradoria local.

AFP, O Estado de S.Paulo

09 de outubro de 2010 | 00h00

Testemunhas indicaram que a morte de Almeida, assim como o de outras cinco pessoas mortas a tiros na região, estão vinculadas à atividade de narcotraficantes.

Sinaloa é a área de atuação do cartel narcotraficante liderado por Joaquín "El Chapo" Guzmán.

Em agosto, 72 estrangeiros - incluindo quatro brasileiros - que tentavam entrar ilegalmente nos EUA foram massacrados no Estado mexicano de Tamaulipas por membros do grupo Los Zetas, que disputa território com o cartel de Sinaloa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.