Brasileiros que embarcaram em Miami chegam a SP

A última aeronave de hoje procedente dos Estados Unidos pousou às 17h45, no Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos (SP). Os vôos 3999, da Tam, e 999, da American Airlines, que compartilharam a mesma aeronave, trouxeram passageiros de Miami. A ex-mulher do cantor sertanejo Chitãozinho, Adenair Lima, desembarcou com o namorado. Muito emocionada, ela contou que estava em Miami a passeio e que pretendia voltar na última quarta-feira, dia seguinte aos atentados terroristas nos Estados Unidos. "Tudo que eu quero agora é dar um abraço nos meus filhos", disse.Ela afirmou que não pretende voltar tão cedo para os EUA. O hotel onde Adenair estava hospedada também sofreu ameaça de bomba, o que a obrigou a se deslocar para outro hotel. "É muito bom estar de volta", disse. A gerente de marca para a América Latina da IBM, a brasileira Sueli Schultz, também estava na aeronave com o marido Jaime Caridad e os filhos Richard e Raíza, de 6 e 4 anos. Ela está morando nos EUA há 5 meses com a família e voltou ao Brasil para uma reunião de trabalho. Sueli contou que sua bagagem passou por uma revista minuciosa no aeroporto de Miami. "Eles estavam proibindo de embarcar até com barbeador descartável", disse.SegurançaEm sua opinião, a segurança nos EUA vai ser melhor depois dos ataques. "Se já era seguro, agora vai ficar muito mais", afirmou a gerente, que pretende continuar morando em Miami."Segurança por segurança, lá é bem melhor", ressaltou Caridad, que acha os problemas de segurança no Brasil muito piores."Não acredito que os EUA vão sofrer novos ataques", disse. O piloto brasileiro da US Airways Express, Márcio Luchesi, também desembarcou de Miami. Ele estava sendo aguardado pela mãe, que o abraçou chorando muito. Luchesi contou que pilotava uma aeronave na região de Nova York, no momento dos atentados, e que soube dos ataques pelo rádio."Recebemos um comunicado de que vários aviões haviam sido seqüestrados e a recomendação para que tomássemos precauções", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.