Brasileiros que foram ver maratona relatam ao 'Estado' cenas de pânico

'Os atletas foram avisados pelo megafone que a maratona estava cancelada, mas não diziam o que havia ocorrido', conta brasileira

Adriana Carranca, O Estado de S. Paulo,

15 de abril de 2013 | 20h40

BOSTON - Brasileiros que foram à Maratona de Boston como turistas, relataram ao Estado cenas de pânico nas ruas após o ataque que deixou pelo menos dois mortos.

Cerca de meia hora antes das explosões, Mariana Recamonde Mendoza, que faz doutorado em engenharia de comunicações no MIT, chegou a publicar uma foto no Instagram a poucos metros do local das bombas. Ela tentava alcançar a linha de chegada, mas desistiu por causa da multidão.

Preferiu comer algo. Na mesa do restaurante California Kitchen, a uma quadra do local, ouviu a primeira bomba. "O impacto balançou a estrutura do restaurante. Sentimos um tremor. Não sabíamos o que era, pensamos em um desabamento. Mas logo veio a segunda explosão e começamos a ver muita gente correndo, chorando", disse.

As informações eram desencontradas. "Havia gente falando em bomba, outras em homens armados. Os atletas foram avisados pelo megafone que a maratona estava cancelada, mas não diziam o que havia ocorrido".

Juliana Porto, que trabalha com educação infantil na Universidade de Harvard e no MIT, havia marcado com uma amiga na linha de chegada. Por sorte, atrasou. "Ao chegar, vi pessoas correndo, tentando achar familiares", conta. Como as linhas de celular foram bloqueadas, Juliana só conseguiu falar com a amiga uma hora depois. "Estava tudo bem, mas ainda estou abalada. É uma sensação horrível."

A Maratona de Boston é a mais antiga das provas de 42.195 metros - nesta segunda-feira foi disputada a 117.ª edição. Sempre é realizada na terceira segunda-feira de abril, no Dia do Patriota, feriado no estado de Massachusetts (cuja capital é Boston). Cerca de 30 mil pessoas participam da prova, acompanhada por 500 mil torcedores, segundo estimativa da organização. Para a mídia americana, é um dos eventos esportivos mais esperados e lucrativos, sendo superado apenas pelo Super Bowl.

 
Tudo o que sabemos sobre:
Maratona de BostonEUAataque

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.