Britânicos podem substituir americanos em província afegã

Um importante contingente de tropas britânicas se dispõe a substituir as forças dos Estados Unidos no controle da província afegã de Helmand, dominada pelos talebans e considerada uma das mais perigosas do país.Centenas de soldados britânicos já se encontram nesta província do sul do Afeganistão, e o contingente totalizará cerca de 3.300 militares. As forças do Reino Unido ajudarão as autoridades afegãs a arrancar o controle da região das mãos dos insurgentes e narcotraficantes que operam ali, além de contribuir com os esforços de pacificação do país.Na semana passada, um comandante taleban classificou os britânicos de "velhos inimigos" e disse que as tropas do Reino Unido são um dos alvos preferidos de seus homens. O ministro britânico de Defesa, John Reid, reconheceu que os soldados destacados em Helmand correm "grandes riscos".Atualmente há cerca de 2.000 soldados britânicos destacados no Afeganistão como parte da Força Internacional de Apoio à Segurança (Isaf), da OTAN, e das forças de coalizão lideradas pelos Estados Unidos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.