Britânicos querem filho de Diana, e não Charles, como rei

Duas pesquisas mostram que a maioria dos britânicos deseja que William e sua noiva, Kate Middleton, sejam os próximos rei e rainha da Grã-Bretanha, e não o príncipe Charles e sua mulher, Camilla Parker-Bowles. Segundo sondagem do instituto ICM, publicada sábado pelo jornal "News of the World", 64% querem que Charles deixe de ser o primeiro na linha de sucessão ao trono britânico - ocupado pela rainha Elizabeth II - e renuncie em favor de William. Outra pesquisa publicada pelo "Sunday Times" indicou que a maioria dos britânicos acha que William seria melhor rei do que seu pai. Para alguns, Charles, de 62 anos, não levará vitalidade à monarquia e Camilla não tem a mesma popularidade da princesa Diana, que morreu em 1997.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.