Bush agradece à Austrália a ajuda no Oriente Médio

O presidente dos EUA, Gorge W. Bush, agradeceu à Austrália nesta quinta-feira o envio de tropas de apoio para o Iraque e para o Afeganistão. No Parlamento, Bush elogiou o primeiro-ministro John Howard, ?um líder de coragem excepcional?, segundo o norte-americano.Quarenta e um parlamentares da oposição assinaram uma carta criticando Bush, dizendo que a guerra foi conduzida com base em um perigo que nunca existiu no Iraque. O senador Bob Brown, do Partido Verde, foi retirado do Parlamento por ter feito um protesto verbal durante o discurso do presidente norte-americano. Enquanto isso, do lado de fora do Parlamento, centenas de pessoas faziam manifestação contra Bush.A passagem pela Austrália é a última etapa da viagem internacional do presidente, que visitou seis países. Antes de discursar para os parlamentares australianos, Bush reuniu-se com o primeiro-ministro Howard e disse que os EUA esparam completar um tratado de livre-comércio com o país até dezembro. ?É bom para a América. É bom para os trabalhadores americanos. É bom para a Austrália?, disse o presidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.