Bush anuncia corte de US$ 1,6 tri em impostos

O governo Bush confirmou queo projeto de corte de impostos que está sendo apresentado pelopresidente norte-americano deve ficar mais próximo de US$ 1,6trilhão do que da cifra de US$ 1,3 trilhão usada durante acampanha presidencial. O aumento no tamanho do corte se deve àmudança no período para a implementação do projeto de redução deimpostos. Durante a campanha, Bush referia-se ao custo dos cortes parao governo federal ao longo de dez anos, compreendendo o períodoentre 2001 e 2010. Neste caso, a redução de impostos custariacerca de US$ 1,3 trilhão em receitas ao governo federal. Noentanto, se o período mudar para 2002 a 2011, o projeto vairepresentar um custo de US$ 1,6 trilhão para o governo federal. O porta-voz da Casa Branca, Ari Fleischer, disse que osuperávit do orçamento federal, em contrapartida, vai crescer seo período mudar de 2001-2010 para 2002-2011. Isto porque osuperávit orçamentário projetado para 2001, de US$ 285 bilhões,sai do cálculo, enquanto o superávit projetado de US$ 685bilhões para 2011 é adicionado. O resultado será um ganholíquido de US$ 400 bilhões no total do superávit orçamentário.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.