Bush anuncia oficialmente que vai tentar a reeleição

O presidente dos EUA, George W. Bush, lançou a sua candidatura a um segundo mandato, ao apresentar formalmente os papéis para tentar disputar a eleição, estimulado pelos altos índices de popularidade no pós-guerra, mesmo com os sinais de fraco desempenho da economia do país. Cumprindo determinação do presidente na semana passada, um funcionário da Casa Branca fez o comunicado formal das intenções de Bush para a Comissão Federal das Eleições. O comunicado permite que Bush inicie a captação de recursos, contrate cabos eleitorais e funcionários e monte uma sede para sua campanha. O anúncio formal é o primeiro passo de um plano meticuloso de campanha estruturado pelo chefe de operações políticas Karl Rove, que conduzirá de dentro da Casa Branca a campanha à reeleição. Pesquisas recentes mostram que entre 65% e 70% dos norte-americanos aprovam a performance de Bush no cargo e um percentual ainda maior acredita que ele tem fortes qualidades de liderança.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.