Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Bush apóia McCain na corrida presidencial

O presidente dos Estados Unidos,George W. Bush, anunciou o apoio a John McCain nestaquarta-feira como virtual candidato republicano à Presidênciados Estados Unidos, coroando a recuperação de McCain após suacampanha ter sido declarada como morta."Ele será o presidente que trará determinação para derrotar uminimigo e um coração grande o bastante para amar aqueles queferem", disse Bush, ao lado de McCain, em cerimônia no JardimRosa da Casa Branca, claramente com a intenção de fazer osenador do Arizona parecer mais presidenciável para oseleitores que escolherão o próximo líder do país no pleito denovembro. Antigo rival político de Bush, McCain recebeu tratamentoVIP na Casa Branca, após ter conquistado virtualmente aindicação do Partido Republicano com vitórias nas prévias deOhio, Texas, Rhode Island e Vermont, na terça-feira. Bush deu as boas-vindas a McCain e sua mulher na frente desua mansão, uma formalidade normalmente reservada aos maisimportantes chefes de Estado. Após almoçarem juntos em uma sala reservada, Bush anunciouseu apoio a McCain publicamente, apesar da amarga disputa entreos dois nas primárias de 2000 para as eleições presidenciais. McCain precisa agora se preparar contra Hillary Clinton ouBarack Obama, que ainda disputam a indicação para concorrerpelo Partido Democrata. Ainda assim, há dúvidas se o apoio de Bush irá ajudar ouprejudicar McCain. E não está claro o quanto o presidente iráparticipar da campanha para indicá-lo como nome do partido. Os índices de aprovação de Bush estão perto dos mais baixosníveis de sua Presidência, um reflexo principalmente devido àimpopular guerra no Iraque. McCain agradeceu Bush, dizendo: "Espero que ele vai fazercampanha para mim da mesma forma como ele consegue manter suaagenda cheia." (Reportagem de Matt Spetalnick)

REUTERS

05 de março de 2008 | 16h22

Tudo o que sabemos sobre:
EUAELEICAOBUSHMCCAIN

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.