Bush: demora em liberar avião afetará relação com a China

Em pronunciamento na Casa Branca, o presidente dos Estados Unidos, George W.Bush, disse há pouco que a demora do governo chinês em liberar os 24 tripulantes do avião EP3 Aries II, usado para espionagem eletrônica, poderá abalar as relações entre os dois países. Hoje, diplomatas norte-americanos visitaram os tripulantes do avião da Matinha, que está retido desde domingo na ilha de Hainan, no Sul da China, depois de uma colisão com um caça chinês.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.