Bush designará militar como novo chefe da CIA

O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, designará nesta segunda-feira o general da Força Aérea Michael Hayden como novo diretor da Agência Central de Inteligência (CIA), um cargo que deve ser confirmado pelo Senado, indicou a Casa Branca.O conselheiro de Segurança Nacional de Bush, Stephen Hadley, disse nesta segunda à televisão americana que "Hayden possui uma ampla experiência nos serviços de inteligência".Hayden, que já foi diretor da Agência de Segurança Nacional (NSA), é atualmente o segundo na Direção Nacional de Inteligência, cujo titular é John Negroponte.Se o Senado confirmar a nomeação proposta por Bush, Hayden substituirá o ex-legislador Porter Goss que esteve à frente da CIA durante pouco mais de um ano.A possibilidade de Hayden ser designado para dirigir a CIA causou preocupação durante o fim de semana entre vários membros do Congresso que não aprovam que quase todos os serviços de espionagem e inteligência dos EUA estejam agora nas mãos de oficiais do exército."O presidente acredita que o fato de Hayden ser militar traz elementos positivos" às tarefas dos serviços de inteligência, declarou Hadley à rede de TV CNN.Fontes da Casa Branca indicaram que, sensível às preocupações dos legisladores, o presidente Bush afastará do cargo de subdiretor da CIA o vice-almirante Albert Calland, que está no posto há menos de um ano.O Pentágono controla atualmente quase 80% dos orçamentos dos serviços de espionagem e inteligência dos Estados Unidos, e alguns analistas vêem a luta por postos na CIA como uma disputa de território entre o secretário de Defesa, Donald Rumsfeld, e Negroponte.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.