Bush deve declarar-se vitorioso ainda hoje

O presidente George W. Bush agendou um anúncio de sua vitória nas eleições de ontem em Washington para esta quarta-feira, com os assessores da campanha pela reeleição assegurando que o presidente obterá pelo menos 286 votos no Colégio Eleitoral, 16 acima do necessário, e que não precisam esperar que o candidato democrata John Kerry reconheça a derrota. A Casa Branca não informou o horário do pronunciamento de Bush. Segundo informações do Washington Post, citadas pela agência Dow Jones, autoridades da Casa Branca anteciparam que Kerry irá reconhecer sua derrota ainda hoje. Mas acrescentaram que se Kerry não o fizer, a vitória de Bush será declarada da mesma forma. Para John Kerry vencer a eleição em Ohio e conquistar o 20 votos do Colégio Eleitoral ainda necessários para fazer dele o próximo presidente dos EUA, é preciso contar com um número ainda não calculado de votos populares que não foram apurados, incluindo votos provisórios, deixados por eleitores cujo registro eleitoral foi questionado por algum motivo.No amanhecer desta quarta-feira, Bush mantinha-se à frente de Kerry por uma margem de 135.000 votos, após um dia de eleição marcado por longas filas que levaram alguns eleitores a votar apenas após a meia-noite. A votação maciça atrasou a apuração em urnas cruciais: pelo menos 54 distritos ainda têm votos de ausentes - eleitores que enviaram seus votos pelo correio - para contar.Além disso, pesquisa da Associated Press mostra que há cerca de 140.000 votos provisórios em Ohio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.