Bush diz que aplaudirá protesto contra ele em Londres

O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, afirmou hoje que aplaudirá um maciço protesto em Londres durante sua visita na semana que vem porque "liberdade é uma coisa bonita". "Estou contente em ir a um país que diz que o povo tem permissão de expressar suas opiniões", afirmou. "Isto é fantástico". Milhões de pessoas participaram de manifestações contra a guerra no Iraque no centro de Londres no começo do ano, e o grupo Stop the War (Pare a Guerra) pretende reunir pelo menos 60.000 pessoas numa passeata contra Bush na cidade em 20 de novembro. "Não espero que todo mundo concorde com as posições que assumo", disse Bush numa rápida entrevista na Casa Branca. "Mas certamente eles devem concordar com os objetivos dos Estados Unidos, que são paz e liberdade". Muitos britânicos se opõem fortemente às políticas de Bush e à relação próxima entre o primeiro-ministro Tony Blair e o presidente americano. Bush e sua mulher, Laura, visitarão a Grã-Bretanha de 18 a 21 de novembro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.