Bush diz que Argentina precisa de plano econômico

O presidente dos EUA, George Bush, afirmou hoje que a chave para a solução da crise argentina é o país colocar em ordem sua situação fiscal e sua política monetária e desenvolver um plano para a retomada do crescimento econômico. Falando a jornalistas em seu rancho em Crawford (Texas), Bush disse que os EUA ajudarão a Argentina a desenvolver esse plano, por intermédio do FMI, caso a Argentina lhe peça isso. O presidente dos EUA também revelou que conversou sobre a situação argentina com os chefes de governo do Brasil, do México, do Chile e do Uruguai. Bush disse ter deixado claro a eles que os EUA querem trabalhar junto com os governos da região para que a Argentina entenda que os EUA vão apoiar um plano de crescimento sustentado e estão dispostos a oferecer ajuda técnica por meio do FMI. As informações são da Dow Jones. Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.