Bush e Putin avançam em negociações sobre mísseis

O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, e seu colega russo, Vladimir Putin, anunciaram neste domingo que avançaram nas conversações sobre a proposta de Bush de adotar um sistema de defesa antimísseis. O anúncio, feito em Xangai, na China, onde se encerra hoje uma cúpula dos países que participam da Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (APEC), parece ser indício de que ambos os mandatários iniciaram um novo tipo de cooperação após os ataques terroristas de 11 de setembro nos EUA. Putin, no entanto, deixou claro que continua a opor-se ao plano de Bush de se retirar do tratado sobre mísseis antibalísticos (ABM), de 1972, e de construir um escudo espacial antimísseis.

Agencia Estado,

21 Outubro 2001 | 12h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.