Bush elogia presidente do Paquistão por luta contra o terrorismo

George W. Bush telefonou para o presidente do Paquistão, general Pervez Musharraf, para apoiar sua luta contra o terrorismo, após a fracassada tentativa de explodir vários aviões em vôo entre o Reino Unido e os Estados Unidos.O Ministério de Relações Exteriores do Paquistão informou que, na quarta-feira, Bush afirmou "seu profundo apreço pelo papel do Paquistão na luta contra o terrorismo".Bush e o general Musharraf se encontrarão em Washington no próximo mês, segundo o Governo paquistanês. Os dois vão discutir as medidas para "fortalecer ainda mais a relação estratégica entre Paquistão e EUA".A Polícia do Reino Unido deteve 24 pessoas, em sua maioria muçulmanos britânicos de origem paquistanesa, por sua suposta implicação numa trama para explodir dez aviões em vôos transatlânticos, com explosivos líquidos ocultos em bagagens de mão.Além disso, outras 17 pessoas, entre elas dois cidadãos do Reino Unido, foram detidos no Paquistão por sua suposta participação no complô.Os EUA consideram o Governo do Paquistão um de seus grandes aliados na luta contra o terrorismo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.