Bush promete "merecer o apoio" dos eleitores de Kerry

Em seu discurso como vitorioso na eleição presidencial, o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, prometeu "lutar esta guerra ao terrorismo com todos os recursos de nosso poder nacional". Dirigindo-se aos 55 milhões de americanos que votaram contra seu governo e no senador John Kerry, Bush disse que "precisarei do apoio de vocês, e vou trabalhar para merecê-lo". Bush discursou para milhares de correligionários menos de uma hora depois de Kerry ter vindo a público reconhecer a derrota.Bush descreveu sua reeleição como "uma vitória histórica" e disse que "um novo mandato é uma nova oportunidade de estender a mão para toda a nação. Temos um país, uma Constituição e um futuro que nos unem". Dizendo que os Estados Unidos estão "entrando em uma época de esperança", o presidente prometeu promover reformas no código tributário norte-americano e na Seguridade Social, além de "manter nossos valores mais profundos de família e fé". Antes do pronunciamento de Bush, o vice-presidente Dick Cheney disse que o presidente foi o candidato à Casa Branca a receber mais votos em todos os tempos e "agora tem um mandato para liderar o país". Cheney também destacou o fato de o Partido Republicano ter ampliado sua maioria tanto no Senado como na Câmara. Veja o especial Bush - Mais Quatro anosMais notícias sobre as eleições nos EUA

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.