Caças sírios bombardeiam bairro em Alepo, diz oposição

A Força Aérea da Síria bombardeou delegacias de polícia controladas pelos insurgentes na cidade de Alepo nesta sexta-feira, pouco antes do começo das negociações de paz que o enviado internacional para a Síria, Lakhdar Brahimi, deverá ter com grupos oposicionistas sírios em Damasco. Brahimi deverá se reunir nas próximas horas com o Comitê de Coordenação Nacional para uma Mudança Democrática, um grupo opositor que reúne nacionalistas árabes, socialistas e curdos, e escutar sugestões do grupo para possíveis soluções políticas para a guerra civil na Síria.

AE, Agência Estado

14 de setembro de 2012 | 20h25

No bairro central de Midan, em Alepo, caças do governo bombardearam duas delegacias de polícia tomadas pelos rebeldes, disse Rami Abdel Rahman, diretor do Observatório Sírio pelos Direitos Humanos, sediado em Londres. Segundo ele, tropas do presidente sírio Bashar Assad lançaram uma ofensiva contra os insurgentes em Midan. A Força Aérea também bombardeou as cidades de Al-Bab e Marea, vizinhas a Alepo e controladas pelos rebeldes.

O Observatório informou que perto da capital Damasco soldados foram emboscados pelos rebeldes e um número não determinado de militares foi morto, na cidade de Douma. Na mesma cidade, dois civis foram mortos por um bombardeio do governo.

As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.