AFP PHOTO / Ye Aung Thu
AFP PHOTO / Ye Aung Thu

Caixa preta de avião de Mianmar é encontrada

O avião caiu no dia 7 de junho, com 122 soldados, familiares e membros da tripulação

Reuters, O Estado de S.Paulo

18 de junho de 2017 | 13h09

RANGUM, MIANMAR - O gravador da cabine de comando e o gravador de dados do voo de um avião do exército de Mianmar, que caiu no Mar de Andamão, foram recuperados pelas equipes de busca. O avião desapareceu no dia 7 de junho, com 122 soldados, familiares e membros da tripulação. No dia seguinte, foram encontrados a fuselagem e alguns corpos dos passageiros

Ainda não se sabe a causa do acidente. O exército disse em sua página oficial do Facebook neste domingo, 18, que o gravadores, conhecidos como "caixa preta", cruciais para explicar o que aconteceu, foram encontrados no mar, perto da costa sul de Mianmar.

O contato com o avião foi perdido quando ele sobrevoava a região de Dawei, sudeste de Mianmar, perto do Mar de Andamão. Apesar de ser período de monções em Mianmar, as condições climáticas não eram ruins no momento em que o avião desapareceu. 

A aeronave era um Y-8F-200 turboélice de quatro motores, de fabricação chinesa, modelo muito utilizado pela Força Aérea do país para o transporte de pessoas ou de cargas.  As autoridades militares disseram que ela foi entregue em março de 2016 e tinha apenas 809 horas de voo.

Tudo o que sabemos sobre:
MIANMARFacebookForça Aérea

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.