Calderón quer ajuda americana contra narcotráfico

O presidente do México, Felipe Calderón, considera que os Estados Unidos deveriam assumir a responsabilidade e "fazer mais" para ajudar o problema mexicano na luta contra o narcotráfico."Os Estados Unidos são co-responsáveis do que ocorre no México e eles têm muito o que fazer. Não podemos enfrentar este problemas sozinhos", disse Calderón ao Financial Times."Devemos elaborar um mecanismo para que, sem tirar a autonomia mexicana, o serviço dos Estados Unidos possam intervir no país para solucionar o problema do narcotráfico", acrescentou Calderón.O jornal britânico assinala que esta mensagem aos Estados Unidos segue a decisão que o governo mexicano anunciou nos últimos dias de combater o narcotráfico sem necessariamente causar uma guerra. Desde que assumiu o cargo, em 1º de dezembro de 2006, Calderón já enviou militares a diversos estados do México para combater o tráfico ilícito no país.No entanto, Calderón não especificou quanto deveria os Estados Unidos deveriam contribuir.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.