Califórnia aprova orçamento; governador enfrenta referendo

Depois da mais longa sessão de sua história, a Assembléia Legislativa da Califórnia aprovou o projeto de orçamento apresentado pelo governo, e que prevê a cobertura de um déficit estadual recorde. O projeto foi aprovado, após 27 horas de discussões, por 56 votos a 22. No último minuto, o governo, que já havia amargado uma derrota hoje, virou o jogo e conseguiu os dois terços dos votos necessários para a aprovação. O projeto de orçamento, de cerca de US$ 100 bilhões e que já foi aprovado pelo Senado estadual, prevê cortes de gastos do governo de cerca de US$ 13 bilhões. A Califórnia tem uma economia equivalente à da França. Antes da votação, analistas afirmaram que o governador Gray Davis, que enfrentará em outubro um histórico referendo revogatório de seu mandato, poderia receber um impulso caso a crise orçamentária, que se prolonga há 29 dias, fosse resolvida o mais breve possível.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.