Califórnia terá 195 candidatos a governador

Um total de 195 candidatos, a maioria novatos na política, apresentou oficialmente seus nomes para a eleição de 7 de outubro na Califórnia até o prazo final da noite de sábado. Mais de 500 haviam retirado os formulários necessários para concorrer ao governo caso os eleitores decidam afastar num referendo o governador democrata Gray Davis.Os desafiantes célebres já ocupam espaços na tevê: Arnold Schwarzenegger e o ex-dirigente de beisebol Peter Ueberroth, o editor da revista pornográfica Hustler, Larry Flynt, e a comentarista Arianna Huffington, além dos políticos tradicionais como os republicanos Tom McClintock e Bill Simon, e o vice-governador democrata Cruz Bustamante.Mas a lista se estende com muitos outros, de advogados a engenheiros a caçadores de recompensa e desempregados. Pela lei do Estado, para participar desta eleição basta pagar uma taxa de US$ 3.500 e apresentar a assinatura de 65 eleitores. Quanto mais assinaturas, menos dinheiro é necessário.Os eleitores decidirão em 7 de outubro se Davis deve ser afastado - e qual será seu substituto no caso de ele perder o cargo. Davis perde se receber menos do que 50% votos. Com tantos candidatos no páreo, o novo governador pode precisar de muito menos do que isso. Neste caso, o mais votado será empossado em 30 dias.O governador da Califórnia disse hoje que os esforços para retirá-lo do cargo são um insulto aos eleitores que o elegeram no ano passado. "Não gosto nada disso, mas tento superar esses sentimentos negativos e canalizar minhas energias para fazer algo positivo pelo povo deste grande Estado", disse Davis em uma entrevista à rede de televisão NBC.A porta-voz da Casa Branca, Claire Buchan disse hoje que o presidente George W. Bush não tem planos de aparecer ao lado de nenhum dos candidatos republicanos durante uma visita ao Estado que será realizada ainda nesta semana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.